diário de estudante: semana 13

Já desisti de colocar ordem na casa, então vou postando os capítulos atrasados conforme o tempo e a inspiração permitirem. Com cozinha é assim, às vezes demora até a coisa sair do jeito que a gente quer, e estou aprendendo isso a cada dia enquanto me preparo para a prova do curso e, de quebra, dou uma sumidinha do blog. Mas de volta…

Dessa vez os doces foram a estrela sob a forma de petit fours, os pequenos biscoitinhos de servir com café. Confesso que não sou muito de biscoito, mas essa aula se provou ser uma viagem ao tempo.

As receitas foram dadas como forma de fazer a turma perceber o que acontece ao se colocar mais farinha, açúcar ou manteiga em cada massa. E uma delas, surpresa, era igualzinha a uma receita que comi em um natal viajando com a família.

Na ocasião a dona da pousada, uma senhorinha suíça, quis alegrar a data dos poucos turistas que se aventuravam a passar o dia 24 de dezembro em uma ilha remota do arquipélago de Galápagos chamada Isabela. A ceia simples foi coroada com um pratinho de petit fours de sabores variados, dos quais o de chocolate chamou atenção: crostinha reforçada por açúcar cristal com interior molhado e denso. Na sala, uma família de franceses distraia as crianças com os doces, já que os presentes só viriam no dia seguinte.

Ao acordar, sabia que o meu presente seria a receita dos biscoitos, devidamente anotada de um livro com aparência antiga, com uma letra de médico em alemão. Fácil, né? Mas deu para entender, e saí da pousada, que tem a vista dessa praia aí bem na frente, crente que iria reproduzir os tais biscoitos por muitos natais.

Receita perdida para nunca mais ser encontrada, o também suíço professor da UNIRIO fez eu me encontrar com o tal biscoito, que aparentemente é um clássico da confeitaria e eu que não sabia. Coincidentemente, reproduzi em casa no dia que meu pai, que me acompanhou no tal Natal longínquo, chegava para uma visita. “Ficou bem parecido, né?”, disse ele.

Biscoito trufado 

100g de manteiga na temperatura ambiente

50g de açúcar mascavo

50g de açúcar

30g de cacau em pó

50g de ovo (2 ovos grandes ou 3 pequenos)

100g de chocolate meio amargo picado

170g de farinha de trigo

5g de fermento químico (para bolo)

Misture a manteiga com os açúcares e o cacau em pó até obter uma massa homogênea. Adicione os ovos batidos (misturados) e os pedaços de chocolate. Por último, acrescente a farinha e o fermento, mexendo delicadamente até incorporar tudo. Faça bolinha e deixe descansar na geladeira por uma meia hora. Asse em forno médio (180oC) por 10-12 minutos.

Eu polvilhei com açúcar de confeiteiro depois de assado, mas você pode polvilhar com açúcar cristal antes de colocar no formo para que fique com uma cobertura crocante.

About these ads

Etiquetas:, , ,

Categories: Doces, gastronomia UNIRIO

Assine!

Assine o nosso feed para receber novidades quentinhas!

Ainda sem comentários.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 104 outros seguidores