CT Trattorie

Hoje foi dia de conhecer a nova casa da família Troigros: a CT Trattorie. A CT Trattorie é o braço da família que homenageia os pratos do país da bota e, para dar o clima, a simpática casinha onde antes era o Bistrô 66 ganhou ares verde, vermelho e branco, e retratos de família para dar o tom aconchegante que a boa comida italiana pede.

Novo salão: repare em Claude no canto esquerdo, atento aos primeiros dias da casa

Confesso que vinha acompanhando de perto os últimos passos para a abertura da casa, seja através do twitter do Thomas Troisgros, filho de Claude, seja através de posts como desse blog aqui, que trouxe os testes dos pratos que seriam servidos na nova casa. Pois bem, reserva feita foi a forma de driblar o salão lotado e encontrar a mesa pronta, quase que já posta com os antepastos vastos do balcão a postos.

A proposta é a cada dia ter novos sabores (antipasto del giorni), a R$ 32 o prato com mini porções, para compor com o pão italiano quentinho e, claro, muito azeite de oliva. As entradinhas abrem bem os trabalhos, mas poucos sabores são inesquecíveis. Na mesa, a pasta de salmão – leve e sem o gosto pesado do peixe -  e os micro-tomatinhos assados com alho mereceram destaque entre berinjelas, cogumelos, brócolis, presunto cru, abobrinha, entre outros.

E tudo desce melhor com o vinho da cave da família, o Côte Roannaise, leve e frutado.

O cardápio traz um misto de clássicos do 66, como o peixe com molho de azedinha, bem como pratos já consagrados do cardápio de outras casas do chef, como o risoto de camarão e pupunha. E, claro, uma seção inteira dedicada às massas. Eu fui no nhoque (R$ 42), já que o cardápio prometia ser receita original da mãe de Claude.

Ele chega à mesa gratinadíssimo, com croutons para dar o crocante e aromático molhinho de manjericão. Ao comer, o prato ainda revela surpresas como tomates cereja assados e cubinhos de palmito, o toque mais exótico. A massa estava correta mas não chegou a empolgar.

Teve ainda espaguete com ragu de carne assada (R$ 52), com execução simples e direta, mas que não trouxe o fator uau em sabor.

O prato mais elogiado da mesa foi o pene com paleta de cordeiro, cogumelos e farofa de panko (R$ 58), uma combinação certeira com molho adocicado.

Adocicado também era o molho do rigatoni com rabada e rúcula (R$ 54), o que frustrou um pouco a expectativa de quem pediu. Eu adoro rabada, bem como comidas com toques doces, mas também achei que no final ficou um pouco enjoativo.

A estrela do almoço foi sem dúvida o petit gateaux de doce de leite, já presente no cardápio da CT Brasserie. Servido com sorvete de coco, o bolinho chega a mesa como manda o figurino: com crosta fina e interior cremoso de um doce de leite não muito doce, e com pequenos crocantes por cima que dão toque especial. Pedimos bis.

Teve ainda um profiterole de frutas vermelhas que também não foi a melhor coisa do dia. Correto e bem executado, faltou um algo a mais.

No fim, a casa confirmou a clara vocação mais comercial da linha CT – que conta ainda com a Brasserie e a Boucherie, onde pratos passeiam de cardápio em cardápio, buscando sempre mostrar um pouco das idéias-assinatura do chef. O que faz pensar é que, para uma casa com proposta italiana, o segmento destinado a essa culinária no cardápio não trouxe aquele brilho nos olhos dos comensais. O ambiente é agradável, e a comida correta, mas fiquei na dúvida se não ficaremos na saudade do bom e velho Bistrô 66.

CT Trattorie

Av. Alexandre Ferreira, 66 . Jardim Botânico . 21 2266-0838 . Rio de Janeiro

Tags: , , , , , ,

Contato

faledecomer@gmail.com

5 Responses to “CT Trattorie”

  1. 29/04/2012 at 09:25 #

    Ahhh decepcionei… estava tão cheia de expectativas com a casa, queria comer um prato dos deuses, mas pelo q percebi, o máximo foi normal… mesmo assim vou lá testar…
    bjs, Lívia

    • 29/04/2012 at 18:07 #

      oi lívia, como tudo com a marca do chef, é bem feitinho, mas realmente faltou o brilhos nos olhos… mesmo assim ainda devo voltar para tentar outras coisas… me disseram que o espaguete a carbonara vale a pena! bjos,

  2. Juliana Magalhães Reyes Andrade
    09/04/2014 at 20:56 #

    O lugar é bonito, o atendimento é bom mas os pratos que eu e meu marido pedimos ficou bem aquém das nossas expectativas.Eu pedi um risoto com gorgonzola, pera e castanha de caju muito salgado e meu marido pediu um risoto com brie, presunto de parma e rúcula com gosto muito forte.Talvez não demos sorte no dia.Fica o meu registro decepcionado.

    • 10/04/2014 at 09:59 #

      Que pena Juliana! Confesso que acho que a família Troisgros tem o tino para o negócio, mas na minha opinião não acertou na mosca nessa casa. Ainda vou dar mais uma chance, pois minha primeira visita também não empolgou.

Trackbacks/Pingbacks

  1. 66 Bistrô | comer comer - 04/03/2014

    […] CT Trattorie agora funciona no mesmo […]

Leave a Reply