Escola do Pão

A chuvinha do feriado proporcionou a ocasião perfeita para conhecer um dos mais bem falados cafés-da-manhã da cidade: o da Escola do Pão. Já sabia que os pães produzidos por Clécia Casagrande no aconchegante endereço do Jardim Botânico são um sucesso. E mais: que dá para levar casa e se deliciar com eles após apenas alguns minutinhos de forno. Mas estava na hora de conhecer a proposta completa. E parêntese na dieta.

A chegada ficou mais gostosa com mini torradinhas com doce de banana e gergelim, que a própria dona veio oferecer para quem estava na fila. Ponto pela simpatia e calor na alma proporcionado instantaneamente pelo pãozinho.

Já acomodados, sem nem precisar pedir, começam a chegar coisinhas gostosas. Primeiro a fruta, que aqui vem na forma de creme de mamão com granola…

… e iogurte batido com frutas tropicais. Com forte sabor de banana, a bebida é delícia porém bem doce – se estiver com pequenos, eles vão adorar.

Nesse momento entra em cena também a comfort food máxima. Em mini porção, o curau de milho vem polvilhado de canela e traz todas aquelas lembranças de comida de roça, caseira. E é leve, delicado, sendo prontamente devorado por todos na mesa.

Nesse momento, Clécia se aproxima da mesa com mais um sorriso e torrada quentinha, dessa vez gratinada com gorgonzola.

E você não sabe se fica mais encantado com a torrada ou com as histórias da dona da casa, que mostram todo o amor e cuidado no preparo dos pães. Ela conta que um dos segredos é calcular a temperatura exata que a massa vai chegar, considerando todos os elementos como a temperatura da farinha, da água mineral, do ambiente… Por isso, Clécia explica, nem pensa em abrir uma padaria: “Não tem como manter a qualidade da produção”.

E aí a coisa fica séria. Para acompanhar o pratinho de manteiga, cream cheese fofo e cremoso como nunca vi, e geléias de ameixa e goiaba (com pedaços!), chega à mesa cestinha com pães variados da casa. Quentinhos, claro, e o único cuidado que se deve ter é provar de tudo, da sensacional baguete à broa de milho com erva doce. Afinal, tudo é tão gostoso que corre o risco de você se atracar com um dos pãozinhos e sua fome nunca mais ser vista com vida.

Ainda mais quando junto chega uma espécie de fondue com queijo derretido e gratinado.

E ovo mexido molhadinho, feito com cuidado e paciência como tem que ser.

Como se isso tudo não fosse diversão suficiente, chegam também mini sanduiches quentes já prontos, nas versões queijo com peito de peru, queijo brie com damasco e o meu favorito-que-sabor-de-infância: salsicha enrolada em massa de pão, besuntada com mostarda e coberta de queijo gratinado. Põe qualquer cachorro quente no chinelo.

Você pode repetir tudo isso acima, mas aconselho guardar lugar para os doces. Olha o prato completo aí embaixo, com direito a mini donut com recheio de baunilha, bolo de chocolate, bolo de laranja, madeleines e o wafle crocante.

Já pensando na conta e no cobertor em casa, perguntamos ao garçom: provamos de tudo, certo? Errado. O arremate fica por conta de mini porções de mingau de tapioca com coco, e sagu em duas cores: o untuoso creme e o azedinho do vinho tinto. De raspar o pote.

A brincadeira toda custa R$ 65 por pessoa, e ainda dá direito a todo café, leite, chocolate quente, chá e suco de laranja que você quiser. E o atendimento atencioso é por conta da casa.

Escola do Pão

Rua General Garzon, 10 . Lagoa . 21 2294-0027 . Rio de Janeiro

http://escoladopao.com.br

O café da manhã é servido aos sábados, domingos e feriados, das 9h às 13h.

Tags: , , , ,

Contato

faledecomer@gmail.com

No comments yet.

Leave a Reply